FIBROMIALGIA: “TENHO 41 ANOS E VIVO NO CORPO DE UM VELHO”COMPARTILHAR ARTIGO

Ele está sempre cansado, e o tempo todo machuca. Patrick Schutz de Neuchâtel tem fibromialgia – uma condição invisível que não é reconhecida pelo seguro de invalidez.
Dor, dor, nada além de dor: Patrick Schuts (41) de Neuchâtel tem sempre a sensação de ter uma gripe – sem febre, mas com uma enorme fadiga de chumbo. Ele gostaria de ficar na cama o dia todo e passar o tempo lá. “Cada parte do meu corpo dói, felizmente nem todos ao mesmo tempo”, disse ele à revista “L’illustré”.
Patrick Schutz e seu parceiro têm três anos de idade, filha Naya.

Mesmo que ele jogue com ela apenas 20 minutos, ele tira a energia para o dia inteiro. “Quando eu dormi, e depois acordado, estou tão cansado quanto nunca dormi.” Ele perdeu muitos amigos que acreditam que ele finge. À noite, ele não pode sair com eles como costumava, ir para a cama às 19h para relaxar.

O diagnóstico de seu sofrimento há um ano revelou: Fibromialgia. Estima-se que 400.000 pessoas são afetadas na Suíça. O problema: A fibromialgia não é reconhecida pelo seguro de invalidez (IV). Não há provas científicas: não há evidências encontradas no sangue e nas radiografias. Centenas de sintomas caracterizam a fibromialgia. É determinada pela exclusão de outras doenças e por meio de um teste: Normalmente são utilizados pontos sensíveis.

Se onze ou mais dos 18 (pontos sensíveis) tiverem um aumento da dor, a suspeita de fibromialgia está presente. Estes pontos de diagnóstico situam-se próximos da abordagem dos músculos tendinosos. A causa da doença não é clara e só pode ser limitada por medidas médicas.

Proteção de Patrick deve tomar muitos medicamentos: analgésicos, antidepressivos, vitaminas, medicamentos para proteger o estômago e gotas contra os olhos sensíveis e secos. “É um sofrimento invisível”, diz Schutz. Ele quer que tantas pessoas quanto possível para saber sobre ele, criou um site no Facebook, de modo que a fibromialgia atinge a consciência da população.

Patrick está desempregado há dois anos e vive de assistência social. Se o IV reconhecesse pelo menos parcialmente o sofrimento, ele já teria sido ajudado. Então ele espera apoio financeiro por causa de sua depressão e fadiga crônica. Sua maior esperança é uma iniciativa popular que acaba de ser lançada e exige o reconhecimento da fibromialgia como uma doença.

Ele joga com sua filha Naya, mas depois de 20 minutos sua energia está exausta.
Patrick está deitado em uma esteira que alivia a dor.

A relação de Patrick com a parceira Sylvie também se tornou difícil. Não há músicas de TV comuns porque ele está dormindo cedo. Naya está surpreso que papai vai para a cama ao mesmo tempo que ela. Patrick Schutz não sabe quanto tempo ele pode suportar sua condição: “Tenho apenas 41 anos e vivo no corpo de um velho!”
Patrick suspeita que mesmo experiências traumáticas poderiam ser desencadeadas no passado. Na idade de 17 ele estava presente quando seu pai bateu um homem com uma pedra diante de seus olhos.

Patrick não tem mais contato com ele. O nascimento de sua filha também era ruim: quase a mãe ea criança tinham morrido. Patrick: “Esses eventos me abalaram profundamente.”

Ele gostaria de fazer algo com sua esposa e filha, mas seu sofrimento eo pouco dinheiro que recebe não fazem esse desejo se tornar realidade.

33 thoughts on “FIBROMIALGIA: “TENHO 41 ANOS E VIVO NO CORPO DE UM VELHO”COMPARTILHAR ARTIGO

  1. Appreciating the time and energy you put into your site and
    detailed information you present. It’s great to come across a blog every once in a while that isn’t the same old rehashed information. Wonderful read!
    I’ve saved your site and I’m including your RSS feeds to
    my Google account.

  2. I’m curious to find out what blog platform you have been working with?
    I’m having some minor security problems with my latest blog and I’d
    like to find something more safeguarded. Do you have any recommendations?

  3. I’ve been exploring for a little bit for any high-quality articles or weblog posts in this kind of area .
    Exploring in Yahoo I eventually stumbled upon this web site.
    Reading this info So i am satisfied to show that I have an incredibly excellent uncanny
    feeling I found out just what I needed. I most surely will make certain to do not overlook this website and give it a glance regularly.

  4. I’m amazed, I have to admit. Rarely do I encounter a blog that’s both educative and entertaining, and without
    a doubt, you’ve hit the nail on the head. The problem is something not enough
    men and women are speaking intelligently about. I’m
    very happy I came across this during my hunt for something relating to this.

  5. Great beat ! I would like to apprentice whilst you amend your web site,
    how can i subscribe for a weblog website? The account helped me a
    acceptable deal. I had been a little bit familiar of this your broadcast provided bright transparent concept

  6. Do you have a spam problem on this website; I also am a blogger, and I was curious about your situation; many of us
    have created some nice procedures and we are looking to exchange methods with other folks, be sure to
    shoot me an email if interested.

  7. hello there and thank you for your information –
    I’ve definitely picked up something new from right here.

    I did however expertise a few technical issues using this site, as I experienced to reload the web
    site a lot of times previous to I could get it to
    load correctly. I had been wondering if your hosting is OK?
    Not that I am complaining, but slow loading instances times will sometimes affect
    your placement in google and can damage your high-quality score if advertising and marketing with Adwords.
    Anyway I’m adding this RSS to my email and could look out
    for much more of your respective exciting content. Make sure you update this again very soon.

  8. Hi there, just became alert to your blog through Google, and found that it is
    truly informative. I am gonna watch out for brussels. I’ll be grateful if you continue this in future.

    A lot of people will be benefited from your writing.
    Cheers!

  9. I don’t know if it’s just me or if perhaps everybody else encountering problems with your site.
    It appears as if some of the written text on your content are
    running off the screen. Can somebody else please comment and let me know if this is happening
    to them as well? This may be a issue with my web browser because I’ve had this happen previously.
    Thanks

  10. Awesome blog! Do you have any tips and hints for aspiring writers?
    I’m hoping to start my own blog soon but I’m a little lost on everything.
    Would you propose starting with a free platform like WordPress or go for a paid option? There are so
    many options out there that I’m completely confused ..
    Any tips? Cheers!

  11. I’m not certain the place you’re getting your information, but good topic.
    I must spend some time finding out more or figuring out more.
    Thanks for wonderful info I used to be searching for this info for
    my mission.

  12. Greetings! This is my 1st comment here so I just wanted to give a quick shout out and say I really enjoy
    reading through your articles. Can you recommend any other blogs/websites/forums that cover
    the same topics? Appreciate it!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *